TECNOLOGIA, TENDÊNCIAS NA INTERNET, JOGOS

Como criar um VPN seguro e de baixo custo

Como criar um VPN seguro e de baixo custo

By settimiz

Antes de criar uma VPN é interessante que você saiba o que é e como ela funciona. Por isso, preparamos esse artigo completo sobre como criar um VPN seguro e de baixo custo.

Bem, VPN é uma conexão que está estabelecida em uma infraestrutura, que pode ser  tanto pública como privada.

Ela usa tecnologias de tunelamento e criptografia, o que mantém seguro os seus dados trafegados.

As VPN’s seguras usam os protocolos de criptografia por tunelamento o qual fornece a confidencialidade, a autenticação e a integralidade que são necessárias para garantir a privacidade das comunicações requeridas.

Protocolos aplicados numa VPN

Os protocolos VPN são conjuntos de programas e processos que determinam a formação de um túnel e, através dele, os computadores em rede se comunicam de forma segura pela internet.

Os protocolos que normalmente são aplicados numa VPN são: Lauer 2 Tunneling Protocol, L2F, Point-to-Point Tunneling Protocol e o IP Security Protocol. Estes protocolos quando são implementados de forma adequada, podem assegurar que suas comunicações usando redes inseguras, sejam seguras.

Porém, você deve ter percebido que não é algo trivial a escolha, o uso e a implementação desses protocolos, e que podemos encontrar no mercado opções de VPN’s inseguras, portanto, é importante que você faça uma investigação minuciosa dos produtos que as fornecem.

O que é necessário para configurar uma VPN

Para configurar uma VPN se faz necessário o uso de serviços de acesso remoto, ou seja, uma ferramenta de TI, serviços ou software que permite a um técnico de informática ou a qualquer outro representante de uma atividade de suporte conectar-se a um computador remoto usando a internet.

Dessa forma ele controla e trabalha diretamente sobre este referido sistema tecnológico, não importando a distância física que os separa.

Porém, mesmo que seu propósito principal seja o acesso aos computadores que estão localizados em qualquer parte do mundo, essas aplicações são encaradas como ferramentas do negócio de assistência técnica, que engloba funcionalidades como a Partilha de Desktop, a transferência e sincronização de ficheiros, as Mensagens Instantâneas ou as Linhas de Comando.

Essas opções são colocadas a serviço de técnicos para que solucionem ocorrências relatadas pelos clientes.

Alguns serviços de acesso remoto são: Remote Access Service, encontrado no GNU/Linux e em variantes do Unix.

O que preciso saber antes de assinar um serviço VPN

Antes de você assinar um serviço VPN se faz necessário que avalie alguns fatores importantes, como:

Privacidade:

O destino das VPN’s é manter privadas as suas informações em relação ao resto do mundo enquanto você está navegando pela internet.

Portanto, as melhores VPN’s são aquelas que possuem uma política de no-logs rígida, que está localizada numa jurisdição sem leis de retenção de dados.

Elas devem implementar recursos de segurança para proteger a sua privacidade.

Funcionalidades de segurança:

Segurança e privacidade caminham juntos. E bons serviços como o ExpressVPN NordVPN e Surfshark, podem ser potentes com criptografia imbatível.

Porém, este erviço de VPN precisa trazer outras funcionalidades de segurança como o Kill switch, a proteção de vazamentos, o firewall e a tecnologia de ofuscação.

Velocidade, desempenho e banda larga

Considere as VPN’s que oferecem velocidade relâmpago, sem nenhum buffer, pois, provavelmente você vai precisar fazer downloads de arquivos ou usá-la para outro fim que precise de alta velocidade.

É importante que ela tenha largura de banda ilimitada e não seja lenta nem retarde sua conexão.

Cobertura do Servidor

Esta cobertura determina as localidades que você deseja acessar. Para isso, leve em consideração a localização do servidor quando for escolher o serviço.

Conexões Simultâneas

Considere uma VPN que ofereça conexões simultâneas. Estas, por sua vez, não devem afetar o desempenho da VPN.

Assim você poderá aproveitá-la ao máximo em todos os seus dispositivos.

%d blogueiros gostam disto: