Bitcoin Bitcoin -2.12% $41093.94
-2.12%
28414.88 BTC $771480879104.00

Como salvar rotas e navegar off-line no Google Maps

Como salvar rotas e navegar off-line no Google Maps

março 3, 2021 0 By carolcfuenmayor

A ferramenta de mapas do Google é utilizada globalmente. Ela oferece imagens de satélite, fotografias aéreas, mapas de ruas, condições de tráfego em tempo real e muito mais para viagens de carro, bicicleta, transporte público ou a pé.

Ao fazer o download do Google Maps, você pode acessar o Street View, Mapeamento 3D e mapas internos em seu dispositivo.

Se você não conseguir se conectar à internet ou seus dados móveis estiverem lentos, você pode salvar uma área do Google Maps em seu telefone ou tablet e usá-la quando estiver off-line.

É muito fácil baixar uma rotano Google Maps para o seu dispositivo e usá-la off-line. Veja as etapas a seguir:

Baixe o mapa do Google no Android

  • Etapa 1: Abra o aplicativo Google Maps em seu telefone ou tablet Android.
  • Etapa 2: Estabeleça uma conexão com a Internet.
  • Etapa 3: Faça login no Google Maps.
  • Etapa 4: Agora, procure o local que precisa ser baixado.
  • Etapa 5: Vá até a parte inferior, toque no nome ou endereço do lugar que deseja salvar.
  • Etapa 6: Agora, faça o download.
  • Etapa 7: Se você pesquisou um lugar como um restaurante, toque nos três pontos verticais para abrir mais.
  • Etapa 8: Agora, baixe o mapa off-line e, em seguida, acesse off-line.

Opcional: Economize bateria e dados móveis

Você pode usar o mapa off-line, mas ainda pode usar dados móveis com outros aplicativos.

  • Etapa 1: Abra o aplicativo Google Maps em seu telefone ou tablet Android.
  • Etapa 2: Em seguida, toque no ícone da foto do perfil.
  • Etapa 3: Em seguida, pressione o ícone de configurações.
  • Etapa 4: Agora, ative apenas o Wi-Fi.

5 truques do Google Maps que todos viajantes precisam saber

Qual é o aplicativo que você mais usa durante as viagens? Provavelmente algo que o ajude a encontrar seu caminho, certo? O Google Maps é o melhor de todos, com navegação precisa, mapas detalhados e muitos recursos que são adicionados e atualizados o tempo todo.

Infelizmente, muitos desses extras estão escondidos em menus e configurações. Muitas vezes você não os encontrará, a menos que realmente vá caçá-los.

As 5 dicas a seguir economizarão tempo, dinheiro, energia e ajudarão você a encontrar lugares que você nem sabia que existiam, manterão um diário de toda a sua viagem e muito mais.

1. Crie mapas de viagens personalizados (mesmo no celular)

Essa é uma boa maneira de criar um itinerário visual para você ou mostrar aos outros onde você foi em suas viagens. A ferramenta é super fácil de usar e os mapas personalizados podem ser compartilhados com qualquer pessoa conforme desejar.

Embora você não possa usar o aplicativo normal do Google Maps para criar versões personalizadas, existem alguns truques pouco conhecidos que permitem visualizar, editar e criar mapas personalizados no celular.

2. Adicione várias paradas à sua jornada

Todos nós sabemos que nem toda jornada vai direto de A para B. Não seria bom planejar sua rota para o dia de uma vez, com várias paradas ao longo do caminho? Bem, você pode.

Obtenha direções entre os dois primeiros locais como de costume, toque no ícone do menu no canto superior direito e escolha ‘Adicionar parada’. Procure o próximo local e clique em ‘Adicionar parada’ quantas vezes desejar até que o trajeto seja concluído.

Você verá a rota mapeada no aplicativo, com cada parada atribuída a uma letra.

Você pode alterar o método de viagem (carro, caminhada etc.), arrastar uma parada para um local diferente se precisar alterar a ordem e excluir ou adicionar novas paradas enquanto estiver em trânsito.

3. Não deixe que um dispositivo lento o impeça

Se seu laptop é antigo ou se você está usando o site em vez do aplicativo em seu dispositivo móvel, você deve ter notado que o site do Google Maps pode ser um pouco lento de usar.

A boa notícia é que há uma versão especial que acelera as coisas desativando partes não essenciais do site. O aplicativo deve mudar automaticamente se for necessário, mas isso nem sempre ocorre. Felizmente, há uma maneira de ativar você mesmo a versão lite.

Basta clicar no relâmpago próximo à parte inferior da tela e você verá uma mensagem dizendo que agora está no modo Lite. Se o site estiver lento, tente fazer isso antes de reclamar do seu dispositivo.

4. Quase é bom o suficiente

Muitas vezes, quando estamos em uma cidade nova, sabemos o que queremos (como comida tailandesa ou um caixa eletrônico), mas não sabemos onde conseguir.

É aí que a palavra “perto” se torna muito útil. O Google Maps entende esse conceito, então você pode pesquisar coisas como “restaurante tailandês perto da rua 10” ou “caixa eletrônico perto de mim” e obter algumas sugestões úteis.

O aplicativo não acerta as coisas o tempo todo. Na maioria das vezes, no entanto, o ajudará a rastrear o que está procurando sem ter que pensar muito sobre isso. A função só está disponível quando seu dispositivo está online.

5. Evite os morros

Se você já visitou algum lugar montanhoso, saberá que o caminho a pé mais curto nem sempre é o melhor. Uma opção mais longa e plana costuma ser o caminho a percorrer, especialmente se estiver calor (ou se você não gosta de escalar).

As rotas a pé do Google realmente não parecem levar em conta as mudanças de elevação. No entanto, as instruções de ciclismo fazem essa distinção, e você pode seguir a mesma rota mesmo estando a pé.

Embora nem todas as cidades ou países tenham sido habilitados para instruções de ciclismo, sempre vale a pena verificar se sua localização atual permite usar este truque.

Em caso afirmativo, você obterá um pequeno gráfico de elevação em cada opção de rota e poderá escolher a que for mais atraente. Funciona no site e no aplicativo, embora você precise deslizar para cima para ver o gráfico completo do último.