Como Usar Sites Externos em Aplicativos Leitores da Apple

Como Usar Sites Externos em Aplicativos Leitores da Apple

abril 22, 2022 By settimiz

Os desenvolvedores de aplicativos para iOS receberam uma boa notícia recentemente! A partir de agora, os aplicativos considerados “leitores” poderão inserir um link que redirecione para uma página na internet, onde os usuários poderão gerenciar contas e pagamentos.

Essa notícia é animadora, porque representa que a Apple está se abrindo mais para dar mais liberdade aos desenvolvedores. E apesar de atualmente essa mudança ser exclusiva para aplicativos “leitores” (vamos explicar quais são eles abaixo), mantemos a esperança de que essa novidade possa atingir mais tipos de aplicativos logo.

Mas qual foi a mudança, realmente? E como posso usufruir dela? Vamos responder essas perguntas nesse artigo.

O que são aplicativos leitores?

Esse termo pode ser pouco comum, mas com certeza você conhece muitos desses aplicativos. Aplicativos leitores são aqueles que “tem como funcionalidade principal fornecer um ou mais dos seguintes tipos de conteúdo digital: revistas, jornais, livros, áudio, música ou vídeo.”, de acordo com a informação publicada no site da Apple.

Isso significa que esses são aplicativos como a Netflix, Disney plus e outros serviços de streaming. Aplicativos como o Spotify e outros de reprodução de música também estão incluídos.

Qual foi a mudança realizada?

Anteriormente, a Apple proibia que os aplicativos incluíssem links que direcionassem a sites externos ao aplicativo. Qualquer app que incluísse um link desse tipo poderia ser banido por não cumprir com as diretrizes e normas da App Store.

Essa era uma medida para proteger a sua privacidade, assim como te proteger de compras internas no aplicativo. Isso porque ao utilizar o app, ou ao permitir que alguém o utilizasse sem supervisão, você poderia acabar gastando dinheiro sem intenção e tendo uma dor de cabeça para recuperar.

Sempre que você tentava acessar a sua conta, uma mensagem era mostrada, indicando que você deveria acessar o site em um navegador para gerenciar sua conta.

No entanto, cumprindo um acordo firmado entre a empresa e a Comissão de Comércio Justo do Japão, a Apple fez uma mudança que passou a valer para o mundo todo.

A partir disso, a posição da empresa mudou. Segundo a Apple, esses aplicativos não oferecem compras internas. Ao invés disso, esses aplicativos permitem o acesso a conteúdos ou serviços comprados anteriormente, fora do aplicativo.

Como posso ter acesso a essa mudança?

Em primeiro lugar, verifique se o seu aplicativo se encaixa nos critérios para solicitar o direito. Para isso, ele deverá cumprir esses requisitos:

  • Oferecer um ou mais dos seguintes tipos de conteúdo digital como a funcionalidade principal do app: revistas, jornais, livros, áudio, música ou vídeo.
  • Permitir que os usuários iniciem sessão em uma conta.
  • Permitir, ao iniciar uma sessão, o acesso a conteúdo ou serviços comprados anteriormente fora do app, como no seu site.
  • Não oferecer compras dentro do app enquanto estiver usando o direito para contas com link externo.
  • Não promover serviços de pessoa para pessoa em tempo real (como serviços de aulas particulares, teleconsultas médicas ou outros).

Se o seu produto se encaixa em todos esses requisitos, você pode preencher um formulário de solicitação (disponível nesse site, em inglês). Você irá precisar fazer login com o seu ID, como o titular da conta no Apple Developer Program. O formulário consiste em responder algumas perguntas sobre o seu aplicativo.

Algum tempo depois, você irá receber uma confirmação no seu e-mail informando que você já tem acesso ao direito. A partir de então, você deverá atualizar o projeto do Xcode do seu aplicativo, o arquivo plist de direitos e o arquivo Info.plist para registrar o direito e os metadados.

Quando fizer as alterações, você vai precisar enviar o aplicativo leitor para a App Store juntamente com o link externo que você está adicionando. O link precisará ser reenviado sempre que sofrer alguma alteração.