Fiverr: uma ótima maneira de ganhar dinheiro online

Fiverr: uma ótima maneira de ganhar dinheiro online

janeiro 3, 2020 Off Por Lucas

A mobilidade é talvez o traço mais marcante da internet. Antes, ganhar dinheiro significava unicamente passar horas fazendo ligações e enviando currículos para obter uma vaga e gastar uma considerável quantidade de tempo no transporte para o local de trabalho. Hoje, porém, o freelance, modalidade de trabalho online em que o internauta vende seus serviços individuais por meio de sites e/ou aplicativos, já é muito famoso. E o Fiverr, tema deste artigo, é uma das mais famosas páginas de freelance no mundo, e pode ser muito lucrativo.

Funcionamento

O Fiverr é um site de freelance, com algumas individualidades. Nele, qualquer um pode oferecer seus serviços, e ninguém pode pagar por um plano para ganhar mais visibilidade. Então, por exemplo, para ganhar uma renda extra (e talvez torná-la sua principal um dia), alguém que sabe editar vídeos pode oferecer esse serviço para venda, um músico pode se oferecer para vender música para outras pessoas, alguém que escreve bem pode se oferecer para criar artigos de forma remunerada, etc.

Ao acessar a página como comprador, o usuário vê uma série de pequenas imagens, os gigs. Gigs são os serviços, oferecidos por cada vendedor. Um gig pode ser de várias categorias: design gráfico, produção de textos, traduções, criação de músicas e até serviços relacionados à astrologia.

Ao escolher um gig para comprar, geralmente são oferecidas algumas opções ao comprador. É comum a existência de três modalidades para cada serviço: uma mais barata e simples, uma intermediária e uma mais cara e completa. Porém, a proposta do website é a existência de serviços baratos, geralmente por 5 dólares.

Ganhando dinheiro

Para ganhar dinheiro, tudo que o usuário precisa fazer é se conectar como um seller (vendedor). A partir daí, ele pode criar seus próprios gigs, dentre as inúmeras categorias existentes. Então, o algoritmo vai, aos poucos, levando esses gigs aos compradores (as taxas de visualização podem ser vistas na página de análise de gigs). Com o tempo, o vendedor começa a receber pedidos e, muitas vezes, propostas especiais de compradores.

Os valores de cada serviço ofertado podem ser escolhidos pelo usuário. Contudo, é interessante que vendedores novos comecem oferecendo opções mais baratas, para irem aumentando seus preços conforme vão ganhando mais experiência e níveis.

Além disso, o usuário pode usar várias técnicas para divulgar seu serviço. Um dos métodos mais estimulados pelo site é o compartilhamento dos gigs em redes sociais. Porém, para mostrar mais qualidade, o vendedor pode fazer testes, pequenas provas que atestam seu conhecimento sobre pequenas áreas (como tradução, experiência com o Adobe Photoshop, gramática, etc.). Também, pode criar um portfólio, e colocá-lo em cada gig oferecido.

Evoluindo

No Fiverr, há vários níveis de vendedor e metas a serem cumpridas. Ao começar, o usuário não tem nível. Para avançar ao nível 1, ele precisa (1) passar 30 dias sem cometer nenhuma infração e (2) 60 sem nível, (3) vender ao menos 500 dólares em gigs e receber e completar pelo menos 10 pedidos. No nível 1, então, as coisas melhoram: mais visibilidade e credibilidade são dadas aos gigs dos vendedores.

Além do sistema de níveis, há as classificações. Após cada pedido, o comprador pode avaliar o vendedor, e vice-versa. Para isso, é usado um sistema de cinco estrelas, sendo cinco a pontuação máxima.

Quanto de lucro?

Embora pareça uma estratégia mágica ganhar dinheiro pelo computador em casa, o freelance é uma ferramenta muito útil, e o Fiverr é um site em que ela funciona. Porém, não há porque largar o emprego para se dedicar unicamente ao Fiverr, pois o caminho para o sucesso é longo e demorado. A cada pedido entregue, a visibilidade dos gigs é aumentada, e cada vez surgem mais e mais contatos de compradores. Contudo, no início, pode parecer difícil: às vezes o vendedor pode sentir que o primeiro pedido nunca virá, mas ele vem, se for interessante, tanto em seu conteúdo quanto em seu preço.

Assim, se você está procurando uma renda extra, e tem alguma habilidade, não há porque não vendê-la no Fiverr, ou outro site de freelance escolhido. Uma vez que você se dedique e dê tempo para seus gigs ganharem visibilidade, os lucros podem ser muito altos, e você pode criar laços de fidelidade com seus clientes, dificilmente ficando sem pedidos e sempre ganhando avaliações positivas.