LinkedIn divulga a lista dos 15 empregos mais emergentes de 2020

LinkedIn divulga a lista dos 15 empregos mais emergentes de 2020

janeiro 13, 2020 0 Por Lucas

Na última quarta-feira (8 de janeiro), o LinkedIn, rede social focada no mercado de trabalho, divulgou seu levantamento “Profissões Emergentes 2020”. O material reuniu as 15 áreas com maior tendência de crescimento para este ano no Brasil, e delas, 9 estão diretamente ligadas à tecnologia da informação.

O levantamento

Para obter os resultados, o LinkedIn analisou o crescimento de diversas profissões entre 2015 e 2019. Então, fez uma média. As 15 primeiras estão relacionadas principalmente à tecnologia da informação e ao mercado financeiro. Veja:

1º lugar: Gestor(a) de mídias sociais

Com 122% de crescimento médio anual, o cargo de gestor ou gestora de mídias sociais ficou em 1º lugar no ranking. Os empregados nessa área têm o dever de cuidar da imagem e do engajamento de uma empresa nas redes sociais. Para isso, organizam perfis em websites como o Facebook, o Instagram e o Twitter e dominam programas como o Adobe Photoshop e o Adobe Illustrator.

2º lugar: Engenheiro(a) de cibersegurança

Com 115% de crescimento médio anual, a função de engenheiro ou engenheira de cibersegurança conquistou a 2ª colocação. Ao trabalhar nessa área, o indivíduo deve procurar e eliminar falhas de segurança nos sistemas das empresas. Em meio à atual existência de ataques cibernéticos, os profissionais, em grande parte das vezes, usam conhecimentos de serviços como Docker Products, Ansible, DevOps, Amazon Web Services, AWS e Kubernetes para fazer seu trabalho.

3º lugar: Representante de vendas

Com 109% de crescimento médio anual, o cargo de representante de vendas ficou em 3º lugar. Naturalmente, fazer boas vendas é uma atitude essencial para qualquer empresa e, hoje, destaca-se ainda mais o profissional que sabe vender produtos digitais. Para isso, ele precisa conhecer as necessidades de cada cliente, e usar uma boa estratégia para oferecer o serviço ou software ideal. 

4º lugar: Especialista em sucesso do cliente

Com 79% de crescimento médio anual, a profissão de especialista em sucesso do cliente ganhou a 4ª colocação. Esse profissional deve auxiliar o cliente no período pós-venda, de forma a mantê-lo interessado nos serviços que a empresa tem a oferecer. De forma a fazer um bom trabalho, o empregado deve conhecer muito bem o produto vendido e saber se relacionar adequadamente com a clientela.

5º lugar: Cientista de dados

Com 78% de crescimento médio anual, o cargo de cientista de dados ficou em 5º lugar. O trabalhador dessa área tem a função de levantar e organizar grandes volumes de dados, de forma a auxiliar a administração da empresa a tomar melhores decisões. Alguns dos requisitos citados no levantamento são conhecimentos de Python e Machine Learning.

6º lugar: Engenheiro(a) de dados

Com 75% de crescimento médio anual, a função de engenheiro ou engenheira de dados ficou em 6º lugar. Quem atua nessa profissão deve organizar as estruturas necessárias para o gerenciamento de dados — é um programador. Como exemplo, pode-se citar a construção de um banco de dados. 

7º lugar: Especialista em Inteligência Artificial

Com 73% de crescimento médio anual, o cargo de especialista em inteligência artificial conquistou a 7ª colocação. Esse profissional tem o dever de lidar com tecnologias atuais como a I.A. e o Machine Learning. No levantamento, é destacado que “Apesar de atuarem nos mais variados setores, é exigido deles um conjunto específico de habilidades, que incluem – além de machine learning – deep learning e a linguagem de programação Python. ” 

8º lugar: Programador(a) de JavaScript

Com 72% de crescimento médio anual, o emprego de programador ou programadora de JavaScript ficou em 8º lugar. Uma das principais linguagens de programação da internet, o JavaScript é essencial para garantir a criação de páginas dinâmicas e interativas. Para que isso seja devidamente aplicado, as empresas procuram candidatos que entendam de tecnologias como React.js, Node.js, AngularJS, Git e MongoDB.

9º lugar: Investidor(a) Day Trader

Com 69% de crescimento médio anual, o cargo de investidor ou investidora day trader conquistou a 9ª colocação. O day trade é um método de compra e venda de ações em bolsas de valores em um período de tempo muito curto. Como é exigido que o profissional tome decisões muito rápidas e faça boas análises, são procurados investidores com bons conhecimentos sobre bolsas de valores, mercado de capitais, trading e a metodologia Technical Analysis. 

10º lugar: Motorista

Com 68% de crescimento médio anual, a função de motorista ficou em 10º lugar. Apesar de ser um pouco contrastante com as outras profissões desta lista, motoristas são extremamente importantes hoje, tanto na área de transporte de pessoas e mercadorias quanto de logística. Porém, é destacado que o motorista de agora precisa ir além de dirigir bem: são necessários conhecimentos em áreas como o pacote Office, da Microsoft, e vendas. 

11º lugar: Consultor(a) de investimentos

Com 61% de crescimento médio anual, ao cargo de consultor ou consultora de investimentos foi atribuída a 11ª colocação. Quem for empregado nessa função deve orientar os clientes a aplicar seu capital da melhor forma possível. Para isso, tem de ter uma sabedoria variada sobre investimentos, tanto de renda fixa quanto de renda variável.

12º lugar: Assistente de mídias sociais

Com 60% de crescimento médio anual, a profissão de assistente de mídias sociais ficou em 12º lugar. Esse assistente deve atuar em conjunto com o gestor (1º lugar), colocando em prática as estratégias definidas por ele. Nessa área, habilidades muito requisitadas são saber usar o Instagram e o Adobe Photoshop.

13º lugar: Desenvolvedor(a) de plataforma Salesforce

Com 58% de crescimento médio anual, o cargo de desenvolvedor ou desenvolvedora de plataforma Salesforce ficou em 13% lugar. Unir todas as informações necessárias para uma empresa em um único banco de dados é algo muito importante. O Salesforce é um dos sistemas CRM (gestão de relacionamento com o cliente) mais usados no mercado e buscam-se profissionais que saibam lidar com ele para analisar processos d a empresa e gerir soluções adequadas para cada negócio.

14º lugar: Recrutador(a) especialista em Tecnologia da Informação

Com 56% de crescimento médio anual, o emprego de recrutador ou recrutadora especialista em tecnologia da informação conquistou a 14ª colocação. Para trabalhar nessa área, além de conhecimentos de T.I., é necessário sabedoria em técnicas de recrutamento e entrevistas.

15º lugar: Coach de metodologia Agile

Com 53% de crescimento médio anual, o cargo de coach de metodologia Agile ficou em 15º lugar. “A Agile é uma metodologia de gerenciamento de projetos focada em desenvolver equipes mais ágeis, de modo a facilitar as transformações na cultura organizacional necessárias para a sustentabilidade da empresa. ”, cita o documento divulgado pelo LinkedIn. Esse tipo de coach é procurado principalmente por firmas de tecnologia, que buscam efetividade máxima.

“O mercado de trabalho, assim como outras esferas da vida na era da digitalização, vive uma dinâmica acelerada de transformações, às quais, muitas vezes, parecemos não ter tempo disponível para nos adaptar. Escolher o melhor caminho para nos prepararmos às novas demandas da nossa profissão ou, mais ainda, de uma outra carreira para a qual queiramos migrar é cada dia mais desafiador. ”, disse Milton Beck, o diretor geral do LinkedIn para a América Latina.

De fato, o mundo está mudando, e ter uma ideia de como estará o mercado de trabalho no futuro é o ideal para que o trabalhador de hoje possa se adaptar.

Para uma leitura mais detalhada, você pode consultar o documento completo aqui.