Bitcoin Bitcoin -1.34% $47247.34
-1.34%
14136.64 BTC $889235963904.00

O que um desenvolvedor júnior de Java faz?

O que um desenvolvedor júnior de Java faz?

agosto 3, 2021 0 By annacarolinaagamme

O que um desenvolvedor júnior de Java faz?

Conforme o próprio nome sugere, o desenvolvedor júnior é alguém que deseja se tornar um programador, uma pessoa que tem conhecimento e experiência mínima necessária para iniciar na carreira de programação, em outras palavras, o desenvolvedor júnior, é aquele profissional que auxilia desenvolvedores mais experientes, a solucionar pequenos problemas de programação.

Então, se este é seu caso e você quer iniciar uma carreira como programador, primeiramente, você deve ter algum conhecimento de linguagens como e Java Script, Java, Python, PHP, C# etc.  tendo sempre em mente que ao dominar qualquer uma delas, logo você conseguirá aprender outra, e a cada vez, com maior facilidade.

A área de desenvolvimento de software é muito ampla, e dinâmica, de tal modo que está em constante mudança, a cada dia surgem novas tecnologias, frameworks e linguagens, e você precisa sempre estar se atualizando, estudando, pesquisando.

Nesse post vamos falar sobre alguns pontos fundamentais, que todo profissional que pretende trabalhar como desenvolvedor júnior de Java, deve saber

O primeiro ponto é conhecer Lógica de Programação, como estruturas de controle, estrutura de Dados e POO, isso vem antes de escolher a plataforma ou linguagem que você vai escolher para trabalhar, estamos no campo dos algoritmos, então você precisa compreender os conceitos e aplicar lógicas booleanas, estruturas de controle de fluxo como por exemplo:  for, while, do while, if else, switch, break, continue, try catch, finally. Além de estrutura de dados como vetores, matrizes, listas, pilhas, filap e por fim Programação Orientada a Objetos, o POO., você também deve dominar o que são classes, objetos, métodos, construtores, herança e composição, encapsulamento, modificadores de acesso, sobrecarga, sobrescrita etc.

A boa notícia é que tem muito material sobre esse tema na internet, com artigos e vídeos no youtube, de forma gratuita, basta pesquisar e você encontrará ajuda necessária, passo a passo para aprender todos esses conteúdos.

Mas atenção…escolher a plataforma e a linguagem que você deseja trabalhar pode não ser uma tarefa tão simples, ainda mais em uma área tão interessante e diversificada, não é verdade? Por isso é muito importante manter o foco e não querer “abraçar tudo de uma vez”, vá com calma, aprendendo aos poucos, até porque dependendo da plataforma que você escolher, irá exigir que você aprenda mais de uma linguagem.

As principais plataformas mais solicitadas pelo mercado de trabalho são Web, Mobile e Desktop, e cada plataforma tem suas subdivisões:

Desktop: na plataforma desktop temos as linguagens: Java, C#, Delphi.

Mobile: na linguagem mobile você pode optar desenvolver para para iOS ou Android, cada um em sua linguagem nativa, ou Framework multiplataforma, como por exemplo:  Ionic, React Native, PhoneGap.

Web: Já na plataforma Web, temos a subdivisão Front-End e BackEnd, sendo eu no BackEnd aplicam-se as linguagens Java, C#, PHP, Python, Ruby, etc. e no FrontEnd HTML, CSS Java

O desenvolvedor júnior, deve escolher a plataforma e dominar a linguagem aplicando a lógica de programação, estruturas de controle, estrutura de dados e POO, na linguagem em específico, lembrando sempre que o desenvolvedor júnior não é alguém pronto, ou seja, ele não precisa saber tudo sobre a linguagem, conhecer todas as bibliotecas, todos os Frameworks, tudo sobre estruturas de dados, dentre outros.

Basta, que você tenha conhecimento o suficiente para conseguir fazer o básico de qualquer sistema, um CRUD, mas o que é CRUD?

CRUD (acrónimo do inglês Create, Read, Update and Delete) são as quatro operações básicas (criação, consulta, atualização e destruição de dados) utilizadas em bases de dados relacionais (RDBMS) fornecidas aos utilizadores do sistema e é muito importante saber alguns Frameworks,

Bem como saber SQL, criar, alterar e excluir tabelas, fazer inserção, atualização, leitura e exclusão de registros usando o SQL com isso você já pode fazer seus projetos de portfólio em qualquer Banco de Dados, conhecer Ferramentas de Versionamento , sendo as mais solicitadas GIT ou SVN, e entender um Diagrama de Classes e Diagrama Entidade Relacionamento (DER).

Tendo esse conhecimento, crie seu portfólio, armazene todos seus projetos de estudos para poder apresentar na sua próxima entrevista de emprego e ter uma vantagem competitiva.

Se este artigo foi útil para você, deixe seu like, comente, deixe sugestões de conteúdos que gostaria de ver por aqui.

Compartilhe com seus amigos, e ajude-nos a trazer mais conteúdos relevantes para você.